Check-up Cerebral e Neurotransmissores

-23% OFF

R$750,00

Fora de estoque


PROMOÇÃO MAIS É MENOS*

Acima de 2 unidades por R$540,00 cada
Acima de 6 unidades por R$510,00 cada
Acima de 25 unidades por R$480,00 cada


*Promoção válida por tempo indeterminado. Aproveite!
**Kit Auto Coleta NÃO INCLUSO.
Preço original R$ 600,00

Descrição

DEVIDO AO COVID-19, ESTAREMOS RECEBENDO AS AMOSTRAS SOMENTE A PARTIR DO SEGUNDO SEMESTRE DE 2021. AMOSTRAS ENVIANDAS ANTES DESSA DATA SERÃO DESCARTADAS!

kit auto coleta para Urina e Saliva não incluso. Para adquirir (clique aqui)

O Check-up Cerebral é um modelo de avaliação funcional não invasivo e baseado na associação de quatro métodos investigativos:

  • Mapeamento Cerebral ou neuroimagem
  • Exames Laboratoriais de Urina e Saliva
  • Análise Funcional da Variabilidade do Sistema Nervoso
  • Questionário Cognitivo.

As neuroimagens do cérebro e os sinais neurofisiológicos são captados através de análise computadorizada e a coleta de saliva e urina é muito simples utilizando o nosso kit de auto coleta (não incluso). Os dados são avaliados em nosso laboratório e disponibilizado pela internet, conforme resolução da ANVISA. Nossos equipamentos e métodos são certificados pelo INMETRO e ANVISA.

OBS: CHECKUP SÓ PODERÁ SER FEITO, QUANDO ACOMPANHADO DO EXAME DLO, ATRAVÉS DO EQUIPAMENTO DE NEUROMETRIA V6.

PERFORMANCE:

ANÁLISE DA CAPACIDADE FUNCIONAL DO ORGANISMO PARA PERFORMANCE:
A introdução de um estilo de vida ativo proporciona diversos benefícios à saúde, uma vez que é considerado como um importante componente para a melhoria da qualidade de vida e da independência funcional. Compreendendo os fatores que influenciam a sua adesão e manutenção, podemos prevenir o envelhecimento precoce e o baixo desempenho humano relacionando-os as situações que, através de investigações, podem promover alterações na mente e no corpo humano, acarretando declínio fisiológico e, a longo prazo, causando lesões que impactarão em todas as funções orgânicas e cognitivas.

DESEMPENHO CEREBRAL

AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO CEREBRAL POR NEUROIMAGENS E NEUROTRANSMISSORES:
A avaliação da estrutura e função do cérebro, através de novas técnicas de neuroimagem, tem melhorado
significativamente o conhecimento sobre o desempenho cerebral, bem como de diferentes alterações cognitivas. Nos dias de hoje o uso dessa técnica, dentro da interface da neurociência, permite investigações mais detalhadas dos circuitos do cérebro engajados no desempenho de sua função, seja na estimulação elétrica ou metabólica, envolvendo diferentes aspectos do processamento emocional com objetivo da performance humana, através da interface cérebro-computador.

PADRÕES COMPORTAMENTAIS

IDENTIFICAÇÃO DE PADRÕES NEUROFISIOLÓGICOS COMPATÍVEIS COM PERFIL COMPORTAMENTAL:
A ciência do desenvolvimento humano tem o desafio de entender como os sistemas múltiplos influenciam o desempenho individual, isto é, como os processos culturais e fisiológicos se integram e reagem ao longo do curso de sua vida, promovendo ou não o funcionamento saudável do corpo e do comportamento, através de modificações ou adaptações fisiológicas frente a eventos estressores e que podem ocorrer quando em contato com as variáveis ambientais (nutricional, tóxicas, social, cultural, pessoal e emocional), diminuindo o desempenho cerebral e a performance humana.

DESEQUILÍBRIOS NUTRICIONAIS

INVESTIGAÇÃO DE POSSÍVEIS DESEQUILÍBRIOS NUTRICIONAIS PARA RESTABELECIMENTO DA RESERVA:
Os desequilíbrios nutricionais estão sendo considerada uma das principais causas de desenvolvimento prematuro de doenças crônicas e degenerativas da atualidade. O organismo humano encontra-se em permanente ciclo de atividade no esforço de se proteger contra os adversos efeitos tóxicos. Quanto mais nos esforçarmos fisicamente, intelectualmente e quanto mais intenso for nosso meio ambiente tóxico (álcool, drogas, fumo, poluentes, alimentação inadequada e excesso de medicamentos) mais iremos necessitar de boa matéria prima nutricional ou suplementar, com a finalidade de aumentar nossa reserva funcional e combater esses efeitos negativos. O ciclo de detoxificação é dependente, no seu limite, de nutrição adequada. Se aliarmos a isto a refinação e o processamento dos alimentos, pela adição de conservantes, espessantes, corantes, edulcorantes etc., ficamos a mercê de uma comida pobre em nutrientes essências como: amino ácidos, vitaminas, minerais e ácidos graxos (gorduras) essências. Mesmo assim continuamos vivendo, mas com o aparecimento do chamado baixo desempenho humano, como: acordar cansado, dificuldade de concentração, debilidade de memória, diminuição da libido, dificuldade para conciliar o sono e, ainda poderíamos investigar mais uma dezena de sintomas, que poderiam estar também relacionadas como o estresse, depressão, pânico, palpitações e fibromialgia. Dessa forma, devemos sempre investigar nossa reserva funcional para preservar e/ou restabelecer nossa performance pessoal.

RADICAIS LIVRES E ENVELHECIMENTO

AVALIAÇÃO DE RADICAIS LIVRES NO CONJUNTO DE FATORES NO PROCESSO DE ENVELHECIMENTO:
Em excesso, os radicais livres podem ser lesivos ao nosso organismo e diminuir significativamente nosso desempenho. Se entrarmos no campo da investigação, veremos que esse estresse oxidativo poderá desequilibrar o sistema imunológico e desfavorecer o envelhecimento saudável. O estresse oxidativo pode surgir quando há situações que exigem muita demanda do nosso corpo, como em: infecções, câncer, diabetes, doenças reumatológicas, doenças neurodegenerativas, déficit nutricional, estresse psicológico e esforço físico de alta intensidade. Maus hábitos como o uso de fumo e álcool também favorecem o desequilíbrio entre os radicais livres e os antioxidantes, e acabam favorecendo o surgimento do estresse oxidativo, bem como aumentam as chances de desenvolvermos doenças como: Parkinson e Alzheimer.

GENÉTICA

IDENTIFICAÇÃO DA SOMA DE FATORES QUE PODEM COMPROMETER A EXPRESSÃO GENÉTICA SAUDÁVEL:
A expressão de genes em um determinado organismo pode ser influenciada pelo meio ambiente externo em que o organismo se encontra ou se desenvolve, bem como no ambiente interno e, neste caso, podemos incluir fatores ligados ao metabolismo. Uma grande influência ambiental externa (temperatura, luz, medicamentos, produtos químicos, estresse, alimentação inadequada e interação comportamental) são alguns dos fatores que podem determinar quais genes são ligados e desligados, podendo abrir um campo de investigação da forma como cada organismo pode desenvolver doenças crônicas, como câncer, síndrome metabólica e doenças cardiovasculares e, assim, influenciar o desempenho cerebral e a performance humana.

Informação adicional

Peso 0.15 kg
Dimensões 23 × 16 × 8 cm

Content missing